poder executivo

Prefeito Elias Gomes assina ordem de serviço para construção de 15 novas escolas

O prefeito ainda anunciou a construção de mais 13 quadras poliesportivas

Rose Albuquerque

Na manhã desta quinta-feira (22/10), quem esteve no pátio da sede do Executivo Municipal, em Prazeres, participou de um momento festivo e marcante para a população. Mesmo em um momento de crise nacional, com reflexos nos Estados e municípios, o prefeito Elias Gomes assinou a ordem de serviço para a construção de 15 novas escolas municipais. O ato, que representa o maior montante investido de uma única vez na infraestrutura educacional em Jaboatão, teve a presença de diversas autoridades, entre elas o secretário estadual de Educação, Fred Amâncio, secretários municipais, vereadores e, claro, gestores, professores, estudantes e pais de alunos.

“A equipe que compõe a Educação de Jaboatão nos dá orgulho: do secretário a todos que estão nas salas de aulas, todos ajudam a transformar o município por meio da Educação”, afirmou Elias Gomes, que destacou no discurso os avanços que a gestão tem alcançado na área, nos últimos anos. “Nunca é demais relembrar, mas quando assumimos a gestão, em 2009, éramos o 10º entre os 14 municípios da Região Metropolitana do Recife na Educação. Hoje, os indicadores de avaliação nos colocam em primeiro lugar. O prefeito aproveitou ainda para anunciar que, na próxima semana, será dada a ordem de serviço de construção para mais 13 novas quadras poliesportivas na cidade.

Jaboatão tem, hoje, mais de 700 mil habitantes. Responsável pela Educação Fundamental, que compreende os 9 primeiros anos de vida escolar de uma criança, mais os dois anos que precedem essa modalidade de ensino, o município tem 55 mil estudantes nas 129 unidades de ensino. Com a construção dessas 15 novas escolas, serão ofertadas mais três mil novas vagas. O governo municipal investirá mais de R$ 15 milhões de recursos próprios nas obras, que terão a parceria do Governo Federal (R$ 25 milhões). Dada a ordem, as obras se iniciarão em novembro. Como todas serão construídas com estrutura pré-moldada, o tempo de construção é menor. Com isso, até junho de 2016 elas deverão ser entregues para funcionar no segundo semestre.

Na ocasião, também foi lembrado que duas outras escolas já estão sendo construídas e serão entregues para o início do próximo ano letivo. Além disso, foi antecipado que, em fevereiro, mais cinco ordens de serviço serão dadas. “O valor social dessa iniciativa é imenso. Não se trata apenas de oferecer uma vaga na escola, mas de resgatar vidas. Nós acreditamos nisso e estamos investindo nisso. Esse é o legado que deixaremos para a população. Fala-se muito em pavimentação de ruas e avenidas. Mas o que estamos fazendo aqui é pavimentando o futuro de nossas crianças com Educação”, declarou a secretária de Desenvolvimento e Mobilização Social, Conceição Nascimento.

 

PARCERIAS – O secretário Estadual de Educação, Fred Amâncio, destacou a importância das parcerias e de medidas de incentivo na melhorias na Educação Fundamental. “Jaboatão é o segundo maior município do Estado, e o que acontece aqui tem impacto em todo o Estado. Mesmo diante de dificuldades, Jaboatão mostra que investir em Educação é investir em um futuro melhor para as crianças de nosso Estado”, afirmou Amâncio.

 

As novas escolas terão capacidade para atender mais de 3.100 alunos. Todas as unidades serão Centros Municipais de Educação Infantil (Cemei) e atenderão crianças com idades de 3 a 5 anos. Serão beneficiadas as comunidades de Vila João de Deus e Lagoa das Garças, em Sotave, Dois Carneiros, Muribeca, Comportas, Vila Palmares, Barrada de Jangada, Cavaleiro, Guararapes, Candeias, Zumbi do Pacheco, Cajueiro Seco e Manassu, na área rural da Regional 1, Jaboatão Centro (veja quadro abaixo).